O que é inspeção da qualidade e quais são os tipos?

Apresentar os tipos mais comuns de inspeção da qualidade é o objetivo central deste artigo. As inspeções são um método simples e barato de reduzir custos, garantir a integridade das mercadorias, aumentar a satisfação dos clientes e consolidar a reputação da marca.

Também facilita a tomada de decisão, tornando-a mais assertiva e mais alinhada às estratégias do negócio. As inspeções de qualidade, portanto, são um dos fatores essenciais na construção do diferencial competitivo à empresa.

O que é uma inspeção de qualidade?

O produto está em conformidade com o resultado final esperado pela empresa? Ele atendeu todos os requisitos que deveria? Como examinar isso? Como verificar, medir e testar um produto de acordo com o padrão de qualidade que se pretende vender?

Tudo isso se responde com a inspeção de qualidade. Aqui não se trata de analisar os processos ou sistemas de fabricação, o que poderia ser feito por meio de uma auditoria de qualidade.

Não, o agente de inspeção de qualidade, também chamado de operador de inspeção de qualidade (ou simplesmente inspetor), atém-se, em geral fazendo uso de uma lista de verificação pré-estabelecida, às especificações do produto.

Por causa disso, os produtos podem ser inspecionados em diferentes momentos na linha de produção, como no estágio inicial, durante a fabricação ou após a produção.

Qual a importância de realizar uma inspeção de qualidade?

A seguir, pontuamos itens que ajudam a entender a importância de uma inspeção de qualidade.

  • Garante a qualidade do produto em todas as etapas de produção;
  • Evita recalls e prejuízos à reputação da marca;
  • Prevê atrasos na linha de produção e no envio de produtos;
  • Otimiza os recursos destinados ao controle de qualidade;
  • Torna o produto mais seguro;
  • Reduz o volume de produtos com defeito;
  • Diminui o número de reclamações devido a produtos mal fabricados;
  • Identifica produtos com componentes não padronizados ou não compatíveis.

Quem é o responsável por fazer essa inspeção?

Há empresas que operam com materiais em grandes volumes e que, por isso, a melhor estratégia é contar com equipe especializada para inspeções de qualidade. 

E há também órgãos e empresas, como o próprio Inmetro, cuja função é fortalecer a qualidade dos fabricantes por meio da adoção de mecanismos de controle e inspeção de produtos e serviços.

6 tipos mais comuns de inspeção da qualidade

Inspeção pré-produção

Insumos e matérias primas são o foco nas inspeções de pré-produção. São realizadas geralmente por meio de amostra aleatória, de forma visual por técnicos especializados ou através de testes laboratoriais.

Sua principal vantagem é um maior controle do que entra na linha de produção, reduzindo na outra ponta os riscos de recalls, perdas e defeitos.

Inspeção em linha

Realizada durante o processo de fabricação, seleciona os primeiros produtos a sair da linha para testes de padrão de qualidade, gerando relatórios que identificam eventuais erros ou problemas de produção.

A inspeção em linha evita que grandes quantidades sejam perdidas, pois possibilita à empresa identificar defeitos e corrigi-los de maneira rápida.

Inspeção final

É uma maneira de checar todas as etapas de fabricação, pois analisa os produtos acabados. A inspeção final é a garantia de resultados mais confiáveis.

É frequentemente realizada, após a fabricação, por meio de amostra aleatória de produtos finais. A contagem de mercadorias e a quantidade armazenada em lote podem fazer parte do processo, sobretudo quando uma empresa exporta seus produtos.

Inspeção de classificação

Realizada com objetivo de descobrir um problema que atinge certa porcentagem significativa das unidades produzidas. 

Essa inspeção permite separar todas as unidades com defeito e obter uma contagem exata dos produtos em boas condições. Assim, é possível seguir em frente com os produtos aceitáveis.

Inspeção de pré-embarque

Chamada também de inspeção de pós-produção, é a mais comum. É realizada quando 100% dos produtos estão prontos e ao menos 80% embalados.

Verificar a qualidade e garantia dos produtos acabados, atendendo as especificações antes do envio a clientes, é a razão de ser da inspeção de pós-produção.

Inspeção de Carregamento de Contêiner

Realizada por empresas que exportam, verifica a carga produzida e embalada dentro dos padrões estabelecidos, para o carregamento do contêiner.

Como realizar uma inspeção de qualidade?

Em vez de um passo detalhado, daremos aqui dicas e cuidados a serem tomados no momento da inspeção. Uma delas, que garante agilidade, precisão e eficiência, é fazê-la com a ajuda de uma ferramenta tecnológica adequada, como um software de gestão de qualidade.

Outra dica é que a empresa tenha, assim como a maioria têm, um modelo de relatório de inspeção. Esse relatório organiza as descobertas feitas pela inspeção de qualidade e, em geral, conta com três seções.

  • Conformidade com as especificações: usa-se as especificações do produto como guia de verificação (os pontos críticos são materiais, mão-de-obra, aparência, rotulagem, embalagem interna e embalagem externa;
  • Medidas;
  • Testes especiais, de segurança, de funcionamento, entre outros.

 

Saber determinar qual a fração de produtos a ser inspecionada também é importante. A porcentagem depende de alguns fatores, mas em geral varia de 10% a 20% do pedido.

Esse volume é uma amostra grande o suficiente para apontar quaisquer problemas. Uma inspeção completa inclui todo o pedido, o que leva muito mais tempo, obviamente.

Na indústria, a  inspeção por amostras é o comum, sendo suficiente para identificar quaisquer pontos de atenção no pedido geral.

Um dos cuidados importantes é não realizar inspeções nos pedidos subsequentes ao pedido inspecionado. Recomenda-se, ao contrário, que todos sejam inspecionados.

Vale lembrar que o custo de inspeção é barato e garante grande redução de custos ao evitar a comercialização de produtos abaixo do padrão estabelecido pela empresa ou pelo mercado.

Como a tecnologia pode ajudar na inspeção de qualidade

Acompanhar a qualidade dos produtos antes, durante e após a linha de produção aumenta consideravelmente o nível de confiança e satisfação do cliente.

Quando isso é feito com a ajuda da ferramenta tecnológica adequada, os ganhos são ainda maiores, principalmente em tempo, precisão e eficiência. 

Para saber qual o softwares de gestão para o seu caso, entre em contato conosco ou peça uma demonstração de nossos produtos!